Franchising combate desemprego

O franchising é cada vez mais o modelo utilizado para a criação do próprio emprego. Todos os dias surgem notícias sobre o desemprego em Portugal, sendo escassas as oportunidades para quem procura uma vaga de trabalho no mercado. Em face da dificuldade acrescida em encontrar emprego, são muitos os portugueses que optam desse modo pela criação do seu próprio negócio.

O franchising está a tornar-se cada vez mais uma palavra do dia-a-dia dos portugueses e muitos dos desempregados vêem este como a única opção de escapar à crise económica. Este modelo de negócio apresenta condições mais profissionais e seguras do que os negócios independentes. Através dele, é possível ingressar numa marca já testada e com presença no mercado, que dispõe de um know how próprio e que concede ao franchisado o direito de explorar os seus produtos e/ou serviços, recebendo em troca certas contrapartidas financeiras.

Com a crescente procura de negócios, estão a surgir no mercado de franchising novas marcas e oportunidades, nos mais diversos sectores, com valores de investimento que tendem a ser mais reduzidos.

Uma das tendências em curso é o formato “home based”, que pode ser desenvolvido a partir de casa, sem necessidade de o investidor ter loja ou escritório, o que diminui consideravelmente o volume de investimento inicial. Entre os sectores de franchising que mais se têm destacado em termos de expansão, avultam os conceitos de compra e venda de ouro, estética, serviços domiciliários e de limpeza, energias renováveis, e reciclagem de consumíveis, entre outros.

Existem incentivos disponíveis para a criação do próprio emprego, que podem ser aproveitados pelos desempregados com vontade de empreender. Consultoras como a Trema dispõem de um serviço de apoio a quantos pretendem abrir um negócio, que vai da selecção das melhores oportunidades e da elaboração do projecto de incentivos até à análise do próprio contrato de franchising. 

O universo do franchising é cada vez maior e tornou-se a principal via de combate ao desemprego.